Sobre Salvador

  • Salvador

    Salvador é a capital brasileira que tem um tempero único, diferente de qualquer outra metrópole do país. A cidade mistura um pouco de tudo que há de melhor em um lugar só: alegria, história, boa gastronomia, natureza exuberante, simpatia, religião, música e muitas outras atrações. Todos são ingredientes que dão o gosto necessário para Salvador ser um dos destinos mais procurados do Brasil. Visitar a Bahia inclui, necessariamente, uma viagem para Salvador. É preciso explorar toda a riqueza que o baiano acumulou ao longo dos quase 500 anos de existência da cidade. O local esbanja arquitetura rica em detalhes, presente nos prédios do Centro Histórico e espalha o ritmo contagiante da música afro-brasileira. Logo que se chega na cidade, é possível ver que Salvador relata a história de um Brasil Colônia. Lá, religiões dividem o mesmo espaço e a população encanta a todos com a alegria do seu Carnaval - um dos maiores eventos festivos do mundo e um dos principais símbolos da cidade.

  • Gastronomia

    A gastronomia da Bahia, especialmente a de Salvador, é conhecida pelo sabor único e pelos pratos apimentados e coloridos. As iguarias baianas são mais lembradas em Salvador, onde a presença da cultura africana é maior. O tempero dos pratos é apimentado e os doces têm sabor inigualável.

    O Acarajé é o prato mais típico da região. É uma massa frita, composta basicamente por feijão fradinho e cebola. O recheio inclui camarão e vatapá. Outros pratos como a moqueca de peixe, a moqueca de camarão, o vatapá, o caruru e a carne de sol assada também fazem parte da tradicional cozinha baiana.

    0s doces também fazem sucesso na gastronomia de Salvador. As típicas sobremesas da região são o arroz doce, a canjica, a cocada, o cuscuz, o pé-de-moleque, o quindim, a tapioca, entre muitos outros. Barraquinhas estão espalhadas por toda a cidade, onde é possível comprar doces enquanto se passeia pela capital baiana.

    As bebidas também são variadas e tradicionais. Os sucos de frutas da região são um espetáculo à parte em Salvador. Além disso, a água de coco e as batidas com frutas também são tradição na cidade.

    Além dos pratos e doces típicos da região do Nordeste, Salvador também possui casas e restaurantes especializados em outros tipos de gastronomia. Na cidade, também é possível encontrar bons restaurantes de comida italiana e também churrascarias.

  • Vida Noturna

    A noite em Salvador deve ser aproveitada junto aos baianos, que garantem o clima axé e afro da cidade.

    A programação cabe em todos os bolsos e está distribuída por toda a cidade. Se a ideia é gastar pouco, o melhor é se reunir com amigos em algum barzinho ao ar livre e reparar no movimento da cidade - como os que existem próximos ao píer e garantem uma visão privilegiada da Baía de Todos os Santos. Se você quer mais conforto, pode seguir para algum dos restaurantes que oferecem pratos regionais e também destaques da culinária internacional. Eles se dividem pela cidade, mas é possível encontrá-los mais facilmente no bairro Comércio, na Armação e na Avenida Contorno.

    Às terças-feiras, o Olodum realiza seu tradicional ensaio, com toda a energia e animação conhecida do grupo. É uma das melhores opções de saída à noite na cidade, que mistura animação e cultura local.

    Uma das melhores pedidas também para quem procura badalação, é partir em direção ao bairro Rio Vermelho. A região tem diversas opções de bares e restaurantes boêmios, dentre eles o Mercado do Peixe. Além da descontração e animação dos barzinhos e botequins, lá existem também excelentes restaurantes mexicanos, italianos, asiáticos, cafés e pubs.

    Quem se interessar em curtir uma balada com MPB ou Rock , o local ideal é o Centro. Lá, são encontradas boates e casas que tocam de clássicos do Rock a vanguardas da MPB.

  • Transportes

    A maneira mais fácil e econômica de se locomover em Salvador é utilizando o sistema público de ônibus. São cerca de 350 linhas convencionais que circulam diariamente por toda a cidade, além das linhas de ônibus seletivas, as noturnas e os minibus, que também rodam pelos principais pontos de Salvador.

    Táxis também estão disponíveis por toda a cidade, para quem deseja chegar ao seu destino mais rapidamente. Assim como nas grandes metrópoles brasileiras, Salvador também conta com um serviço público de vans. O metrô ainda não chegou à cidade. A Companhia de Transportes de Salvador foi criada em 1999 com o objetivo de implantar o metrô na capital. Mas devido ao atraso e a algumas paralisações nas obras, o projeto ainda está em construção. A expectativa é que as linhas do metrô da cidade entrem em funcionamento ainda no primeiro semestre de 2011.

    Para passear por Salvador e conhecer seus principais pontos turísticos, o mais indicado é o passeio no Salvador Bahia Bus. É um ônibus panorâmico de dois andares, que faz parte de um projeto pioneiro no Brasil – é possível desembarcar, passear à vontade e retomar o percurso no ônibus, sem compromisso de horários das tradicionais excursões.

    Como em toda grande metrópole, alguns cuidados básicos de segurança são necessários. Evite expor seus objetos pessoais enquanto caminha pela rua e quando estiver dentro de ônibus. Utilize o celular com atenção e procure estar atento. Em caso de problemas, procure alguma autoridade policial da cidade.

  • Atrações e Programas

    O pôr-do-sol no Farol da Barra é um programa imperdível. Uma dica é passear a pé pela praia do Farol e terminar o dia apreciando a beleza da Baía de Todos os Santos e da Ilha de Itaparica. O Porto da Barra é uma das boas opções de banho de mar de Salvador. Águas limpas, mornas e tranqüilas, destinadas a quem gosta de relaxar.

    Outra atração de destaque da cidade é a mais tradicional igreja da cidade: a Igreja do Bonfim. Ao visitá-la, aproveite para comprar as coloridas fitinhas para presentear os amigos. Se preferir, mande benzê-las na própria igreja e, ao amarrá-las no braço, não se esqueça de fazer três pedidos.

    Não deixe também de experimentar a mais famosa iguaria da rica culinária baiana: o acarajé. Em diversas esquinas da cidade, é possível encontrar uma baiana tipicamente trajada com seu tabuleiro. Algumas das mais famosas quituteiras ficam localizadas no bairro boêmio e intelectual do Rio Vermelho – uma ótima opção para curtir um fim de tarde.

    Para quem pensa também em fugir um pouco dos locais tradicionais, a cidade de Salvador também tem ótimos programas fora do eixo turístico. No subsolo do Mercado Modelo é possível reconhecer, através dos resquícios arquitetônicos, o local onde os escravos eram guardados até a hora de serem vendidos. Outra visita interessante a ser feita é conferir os barquinhos da Cidade Baixa. Eles traduzem o lado bucólico de toda a cidade de Salvador.

  • Clima e População

    A cidade de Salvador contabiliza cerca de 3 milhões de habitantes, uma das maiores cidades do Brasil.

    O clima é quente e úmido, com temperatura média de 25° Celsius durante todo o ano. Chove muito em Salvador nos meses de abril e junho. No resto do ano, a chuva é mais amena e bem distribuída. O período que menos chove é durante o mês de janeiro.

    No verão, o calor é forte e seco, atingindo temperaturas em torno de 38° Celsius. Por isso, é preciso tomar os cuidados de proteção para locais de alta temperatura, como o uso de protetor solar e bonés, além da ingestão de muito líquido.

  • Pontos Turísticos

    O forte de Salvador é a mistura de povos, culturas e programas. A variedade e a diversificação estão presentes em todas as opções que o turista escolher desfrutar. Das visitas às 365 igrejas – uma para cada dia do ano! - até aos ensaios dos blocos, como o Olodum.

    Um dos principais locais de visitação é o Centro Histórico de Salvador, onde se concentram várias atrações, como o Pelourinho. Os antigos casarões que ocupam essa área são tombados pelo IPHAN e remetem à era colonial. No Pelourinho, acontece quase todos os dias um espetáculo que envolve capoeira, samba de roda e muito folclore regional.

    No Centro HIstórico também é possível visitar o Terreiro de Jesus, onde está a Faculdade de Medicina – uma das mais antigas do Brasil; o Convento de São Francisco – quase todo banhado a ouro; a Fundação Casa de Jorge Amado e a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, construída pelos padres dominicanos que vieram da África.

    Outra dica é conhecer as Cidades Alta e Baixa. O melhor jeito para se fazer isso é utilizando o Elevador Lacerda. Na Cidade Alta, vale caminhar pela Praça Municipal e, após chegar ao Elevador Lacerda, descer até o Mercado Modelo, na Cidade Baixa. Lá, é possível conhecer a região e comprar os melhores produtos artesanais de Salvador. Do Mercado, vá caminhando pela Avenida Contorno até a Bahia Marina e aprecie a paisagem da Baía de Todos os Santos.

Receba ofertas imperdíveis!

Assine a newsletter do Mundi e receba as melhores promoções de passagens aéreas e hotéis por email.




Publicidade

Publicidade

Avaliações e Dicas sobre Salvador

Avaliações e Dicas - Salvador

Publicidade