Praia Sabiaguaba

Praia Sabiaguaba

  • Avaliações: 5.0 de 1

Seu mar não é recomendado para banho. É uma praia com algumas dunas e manguezal.

Já esteve em Praia Sabiaguaba? Avaliar

Mostrando 1 - 1 de 1 resultados encontrados

APA da Sabiaguaba e Parque Municipal de Dunas da Sabiaguaba

Praia Sabiaguaba
5

Avaliação escrita em: 8 de Janeiro de 2011
Ponto Turístico visitado em: Janeiro de 2011

Localizada no litoral Leste, Sabiaguaba é uma praia e o bairro ainda é rural, com poucas áreas habitadas cercadas por três lagoas, um rio, manguezais, o grande lençol de dunas e o mar. Em 2006, foi assinado decreto, pela prefeita Luizianne Lins, de Criação do Parque Natural Municipal das Dunas de Sabiaguaba e da Área de Proteção Ambiental (APA) de Sabiaguaba administrados pelo Município de Fortaleza. A criação destas duas unidades de proteção foram frutos da necessidade de acompanhamento do uso e do desenvolvimento da zona costeira de forma conscientes viabilizando a reserva de água doce estratégica para a cidade, para as lagoas e para os ecossistemas de manguezal. O Parque sofre um abandono político e está completamente desprotegido pela falta de ações que eduquem para a sua conservação de forma a contemplar o amor à natureza, aliado ao uso racional e ao seu manejo criterioso, a fim de que a comunidade possa executar um papel de gestor e se sentir parte integrante do processo. A praia de Sabiaguaba é uma área também completamente excluída das políticas públicas e 99% de sua população concentrase em favela ribeirinha do mangue que apresenta vários problemas como o tráfego de drogas, discriminação e violência social, desnutrição entre as crianças e exclusão social de jovens. O Ecomuseu Natural do Mangue surgiu a partir da necessidade sentida pela comunidade de educar o olhar dos jovens e de toda a comunidade para as questões sociais, culturais e ambientais da Sabiaguaba e a importância da proteção e conservação do seu ecossistema contribuindo desta forma com o desenvolvimento sustentável da comunidade que garanta a qualidade de vida hoje, mas que não destrua os recursos necessários às gerações futuras.
 

3 de 4 pessoas (75%) acharam esta avaliação útil.

Esta avaliação ajudou você? Sim | Não

1
 
0 de 0

 



Publicidade