Estátua da Liberdade

Estátua da Liberdade

Estátua da Liberdade

- Visão Geral

A Estátua da Liberdade é um famoso ponto turístico americano, que simboliza a liberdade e a democracia. O monumento foi um presente dos franceses enviado para os Estados Unidos em 1886, como celebração ao centenário da independência da nova nação.

A ideia partiu do historiador francês Édouard de Laboulaye. Mas o projeto foi realizado e executado pelo artista plástico Frédéric-Auguste Bartholdi e a parte interna da estátua foi concebida por ninguém menos que Alexandre Gustave Eiffel, o responsável pela famosa Torre Eiffel.

Para tornar real a “Lady Liberty”, como é conhecida a estátua, os EUA e a França promoveram campanhas para arrecadação de recursos. Hoje, cerca de 3 milhões de pessoas visitam esse ícone nova-iorquino anualmente. As 25 janelas da coroa simbolizam os metais preciosos da região e os raios representam os sete mares e continentes.

As dimensões arquitetônicas chamam atenção: são exatos 92,99 metros de altura, da base do pedestal ao topo da tocha. Mas somente a estátua mede 46,5 metros. São 354 degraus que levam da base à coroa, equivalente a 22 andares. E todo o monumento pesa 225 toneladas, o que a coloca entre os mais pesados do mundo.

- Localização

A Estátua da Liberdade está localizada na região de Manhattan, em Nova York, mas fica especificamente na Ilha da Liberdade, na baía do Porto de Nova York. Para chegar ao local, é possível ir de NY ou de New Jersey, via ferry (espécie de barca).

É aconselhável comprar o bilhete de entrada com antecedência, sendo mais prático adquirir pela internet, para evitar longas filas. Mas é preciso estar atento ao tipo de bilhete, pois existem diferentes modelos: os que dão acesso somente ao pedestal ou a todas as outras partes do monumento.

- O que fazer

Há muito o que se fazer na Estátua, indo dos mirantes com vista para Manhattan e New Jersey até visitas ao museu que conta a história do monumento. Para começar, é possível assistir a vídeos explicativos logo na entrada da ilha ou adquirir cartilhas com informações do cartão-postal. Dentro do pedestal, há o museu que conserva a tocha original e outros objetos utilizados na construção.

- Quando visitar

A época mais movimentada é entre junho e setembro, ou nos feriados e fins de semana. Quem busca mais tranqüilidade, deve ir fora desse período.

 
0 de 0

 



Publicidade